quarta-feira, 2 de setembro de 2015

Corte e costura: Tipos de tecidos de fibras artificiais e seus cuidados.

Corte e costura: Tipos de tecidos de fibras artificiais e seus cuidados.

As fibras que não são naturais englobam quer as fibras sintéticas, que são obtidas completamente por processos químicos, quer as fibras artificiais, como o rayon e o acetato, que são obtidas a partir de polímeros naturais por processos químicos. O rayon foi a primeira fibra produzida artificialmente.

Características dos tecidos de fibras artificiais:


FIBRAS ARTIFICIAIS

Fibras e marcas comerciais

Características

Tecidos típicos e aplicações

Cuidados a ter

Acetatos.

Celofibre
Aceta
Seraceta
Dicel

Relativamente frágeis;
Medianamente absorventes;
Maus condutores do calor;
Têm tendência para amarrotar;
Tingem bem, mas podem perder a cor por ação atmosférica;
Resistentes à traça, não esticam e não encolhem;
Acumulam eletricidade estática.

Tecidos luxuosos, brilhantes, semelhantes à seda e com caimento excelente.
Utilizados em lingerie, vestidos, blusas e forros.

Exemplos: brocado, crepe, tofetá, renda, jérsei e tricô.

Podem normalmente ser lavados à mão ou à máquina, com programa para tecidos delicados.
Centrifugação e secagem a baixa temperatura.
Para passar a ferro os acetatos, regule a temperatura para fibras sintéticas; os acetatos fundem a alta temperatura

«Rayons» (Viscose).

Decora
Fibro
Sarille
Tenasco
Viloft
Vincel

Relativamente frágeis;
Absorventes;
Maus condutores do calor;
Tingem bem;
Amarrotam, encolhem ou esticam,
exceto quando tratados.

Tecidos com grande variedade de pesos.
Estrutura de sedosa a aspera.
Utilizados em vestidos, blusas, conjuntos saia e casaco, forros.

Exemplos: roupa branca e jérsei mate

Numerosos tecidos de rayon devem ser limpos a seco.
Alguns suportam lavagem com água pouco quente.
Pode utilizar água sanitária.
Passe a ferro a temperatura moderada.

Triacetatos.

Tricel
Tricelon
Trialbene

Relativamente frágeis;
Não amarrotam e não encolhem;
Tingem bem;
Mantêm as pregas vincadas a calor.

Tecidos leves.
Utilizados em roupa esportiva e saias com pregas permanentes.

Exemplo: tricô.

Lave à mão ou à máquina em água pouco quente.
Lave e pendure saias com pregas; seque à máquina outro tipo de vestuário.
Normalmente, necessitam de ser passados a ferro.




Nenhum comentário:

Postar um comentário